As mais recentes novidades sobre viagens, línguas e cultura dadas pela EF Education First
Menu

Acabas de sair da universidade? E agora?

Acabas

Por qualquer razão acabaste por sair da universidade mais cedo do que estavas à espera. Pode parecer assustador, todavia, sair não é desistir! É uma oportunidade de perceberes o que queres para o teu futuro. Entretanto, constrói um futuro mais alinhado com aquilo que queres para a tua vida.

Planeia o teu próximo passo

Voltar para casa é provavelmente a primeira coisa que terás de fazer depois de decidires sair da universidade. Não fiques preso às rotinas antigas, mas vê esta mudança como um regresso confortável, mas temporário, à base. Nesse sentido, vê este tempo como uma ajuda para decidir os próximos passos. Não precisas de planear já a tua vida toda, mas usa algum tempo para pensares, pelo menos, no que queres fazer a seguir. Quer seja planear uma viagem ou procurar um estágio.

Compra uma passagem e vai para o estrangeiro

Uma das melhores formas de descobrires o que queres para o teu futuro é desafiares-te. Por certo que passar algum tempo num país diferente é um desafio. Está provado que ir viver para outro país e passar pela experiência quotidiana e de adaptação num sítio diferente, nos ajuda a conhecer-nos melhor.

E não estamos a falar de umas pequenas férias, mas sim de ir para algum sítio durante mais tempo. Encontra um trabalho que te entusiasme no estrangeiro. Passa alguns meses numa cidade totalmente nova. Ou inscreve-te num programa de estudo no estrangeiro e usa a tua massa cinzenta para aprender uma língua nova.

sair da universidade

Conhece pessoas novas

Na universidade, conhecer pessoas vem de braço dado com o estudo. Estás constantemente a ver caras novas, quer seja nas aulas cheias de gente, na residência ou em festas. Tudo isso te põe em contacto com pessoas novas todos os dias. E, como tal, estás sempre a adquirir mais contactos, quer queiras quer não.

Quando optas por sair da universidade torna-se mais difícil conhecer pessoas. Ao mesmo tempo, podes inscrever-te numa associação nova, voltar a praticar um hobbie antigo, entrar em contacto com velhos amigos ou até falar com amigos dos teus pais. Assim podes conhecer alguém que pode ajudar-te com a sua experiência de trabalho, ou com oportunidades para o teu futuro. Até podes ser influenciado a seguir um novo caminho se descobrires mais sobre uma profissão que nunca tinhas pensado antes.

Aprende algo novo

Quem é que disse que construir um bom CV não pode ser divertido? Agora é o tempo de investires em ti e, em vez de estudares para os exames, podes passar algum tempo a aprender algo novo e a adquirir novas competências. Podes aprender uma língua que tenha procura, por exemplo, liderar um grupo de jovens local, ou fazer voluntariado em programas ligados à educação. Não só irás ganhar confiança, como os teus futuros empregadores vão gostar de saber que passaste o tempo a fazer algo que te valoriza.

Adquire alguma experiência profissional

Só há uma forma de teres a certeza se gostas de um trabalho ou não: experimentando-o! A experiência profissional dá-te a introdução perfeita para qualquer carreira, sem o compromisso de assinar um contrato ou passar alguns anos a ver se resulta. Reserva um ano da tua vida para adquirires alguma experiência profissional. Procura estágios em empresas ou indústrias nas quais achas que gostavas de trabalhar, e, em breve, irás descobrir o que realmente gostas e o que não gostas tanto.

Em suma, no fim desses 12 meses, vais ter uma ideia muito mais clara do que queres para o teu futuro. Se conseguires encontrar uma experiência de trabalho paga, ou complementar o teu estágio não remunerado com um trabalho a part-time, melhor ainda! Ter dinheiro a entrar na conta regularmente permite manteres a tua independência.

Estudar uma língua no estrangeiro?Sabe mais aqui!